PORTAL DEMOCRACIA
Manchete Política

Rui Costa sobre visita de Bolsonaro à Bahia: “Foi um ato político”

rui costa

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), concedeu uma entrevista ao UOL News, onde revelou sua opinião referente à visita do presidente Jair Bolsonaro (PL) às áreas afetadas pelas fortes chuvas no sul do estado. Para Costa, a presença de Bolsonaro na região não passou de “ato político” e que falta empatia no chefe de Estado.

O estado da Bahia sofre com fortes chuvas desde terça-feira (07)

A Bahia já tem mais de 50 cidades em situação de emergência devido a chuvas fortes, depois que um ciclone extratropical se formou no oceano Atlântico. De acordo com dados da Superintendência de Proteção e Defesa Civil do Estado da Bahia (Sudec), dez pessoas já morreram e 267 ficaram feridas, em decorrências dos danos causados pela chuva e pelos alagamentos.

Além disso, 6.371 pessoas ficaram desabrigadas e precisaram do apoio das prefeituras. Já outras 15.199 precisaram abandonar seus imóveis, mas não necessitaram de abrigo do município. No total, 220.297 pessoas foram afetadas pela chuva de alguma forma, segundo a Sudec.

bahia
Ciclone provoca fortes chuvas na Bahia; situação é de emergência. | Foto: Reprodução

O presidente esteve na Bahia no último domingo (12) e sobrevoou pelas cidades atingidas pelas fortes chuvas. Depois do voo, Bolsonaro aterrissou no estádio municipal Juarez Barbosa, na cidade de Itamaraju. Segundo Rui Costa, o objetivo dele não foi prestar solidariedade, mas sim, fazer campanha política.

“Foi um ato político de campanha, fazendo carreata na cidade de Itamaraju e agredindo jornalistas. Infelizmente, vivemos no Brasil várias tragédias seguidas. A maior tragédia é a gestão do presidente”, disse o governador em entrevista ao Uol.

A agressão aos jornalistas, a que Costa refere-se, aconteceu quando repórteres da TV Bahia e da TV Aratu tentaram se aproximar de Bolsonaro para realizar entrevistas, mas a equipe de seguranças do presidente agiu para impedir a aproximação formando um bloqueio.

Neste momento, os repórteres Chico Lopes, da TV Aratu (afiliada do SBT) e Camila Marinho, da emissora afiliada da Globo, foram agredidos pelos seguranças. Um dos seguranças foi filmado dizendo: “Se bater de novo vou enfiar a mão na tua cara”, alegando que um jornalista estaria batendo nele com o microfone. Confira as imagens:

Para o UOl, Rui Costa também disse que a única ajuda que recebeu do governo federal foram dois helicópteros enviados pela Marinha para auxiliar na entrega de mantimentos e resgate de moradores. Afirmou também que a liberação de parcelas do FGTS para os municípios atingidos é “ridícula”.

“Se não fosse trágico, era piada. FGTS pertence ao cidadão. O que ele está liberando é dinheiro do cidadão. E R$ 5 milhões para todas as cidades? É ridículo em termos de anúncio de um presidente”, disse Costa.

Related posts

Bolsonaro corrige apoiadores que citaram fake news sobre abuso de crianças e incesto (vídeo)

Rafael Bruza

Djokovic nega ser antivacina e diz que vai abrir mão de torneios que obrigam vacinação

Rafael Bruza

Sede da ONU em NY é isolada; homem aparentemente armado é visto no local

Rafaele Oliveira

Leave a Comment