PORTAL DEMOCRACIA
Manchete Política

Rodrigo Maia desenha nariz de Pinóquio em Moro: “Não engana ninguém”

rodrigo-maia-desenha-nariz-de-pinoquio-em-moro-nao-engana-ninguem

Em publicação no Twitter na noite desta terça-feira (11), o deputado federal e ex-presidente da Câmara, Rodrigo Maia (sem partido-RJ), desenhou um “nariz de Pinóquio” no ex-juiz e ex-ministro da Justiça, Sergio Moro (Podemos) apontando que ele mentiu em entrevista ao dizer que entrou no governo “para evitar maluquices de Bolsonaro”.

“Foi pro governo Bolsonaro com a promessa de uma vaga no STF. Não engana ninguém. Um nariz de Pinóquio pra ele”, afirmou o deputado compartilhando a foto de Moro com o “nariz de Pinóquio” pintado artificialmente.

A declaração de Moro foi feita à Rádio Metropole nesta terça-feira. Nela, o ex-juiz disse que entrou na gestão de Jair Bolsonaro “por um projeto de combate à corrupção”.

“Eu entrei no governo até para evitar essas maluquices. Quando entrei, ouvi pessoas dizendo: ‘quem bom que você entrou. vai dar equilíbrio’. Nunca imaginei que isso seria política pública. Não entrei no governo pelo poder. Se tivesse entrado pelo poder, estaria lá até hoje. Fui por um projeto de combate à corrupção. E isso Bolsonaro não seguiu”, afirmou Moro, na entrevista.

Em seu livro publicado em dezembro, o ex-juiz admite que almejou ser indicado para uma vaga no Supremo Tribunal Fedeal (STF) e relata que foi aconselhado por amigos a condicionar sua entrada no Governo  à indicação para a Corte.

Moro afirma que rejeitou o aconselhamento e se diz “ingênuo” de acreditar que sua indicação viria “naturalmente” se ele tivesse um bom papel no Ministério da Justila.

“Evidentemente eu não descartava a possibilidade de ser nomeado pelo presidente no momento oportuno, mas não cabia estabelecer isso como condição para aceitar o cargo de ministro da Justiça e Segurança Pública. […] Eu simplesmente pensei que, naquele momento, demandar a promessa da vaga não era algo honrado a fazer. Além disso, a indicação do meu nome viria naturalmente se eu, como ministro da Justiça, fizesse um bom trabalho (aqui de fato fui ingênuo, admito)”, diz Moro em um trecho de seu livro.

Related posts

Deputado do PL é flagrado com dinheiro desviado

João Baricatti

Diretor da PF comprou apartamento de luxo em Miami e quitou em um ano

Rafaele Oliveira

Sidney Poitier, primeiro ator negro a ganhar o Oscar, morre aos 94 anos

Rafaele Oliveira

Leave a Comment