PORTAL DEMOCRACIA
Manchete Pandemia Política

Renda de 99% caiu e um bilionário foi produzido na pandemia a cada 26 horas, diz Oxfam

renda-de-99-caiu-e-um-bilionario-foi-produzido-na-pandemia-a-cada-26 horas-diz-oxfam

Relatório Inédito da Oxfam International aponta que a renda de 99% da sociedade mundial caiu durante a pandemia. Em contrapartida, ainda segundo a entidade, um novo bilionário surgiu a cada 26 horas no mesmo período. E os dez homens mais ricos do mundo mais que dobraram suas fortunas, na comparação de março de 2020 e novembro de 2021.

Os dados da Oxfam também mostram que as fortunas das dez pessoas mais ricas do mundo passaram de US$ 700 bilhões (R$ 3,87 trilhões) para US$ 1,5 trilhão (R$ 8,3 trilhões) durante os dois primeiros anos da pandemia.

Ao mesmo tempo, mais de 160 milhões de pessoas foram empurradas para a pobreza, enquanto cerca de 17 milhões morreram de covid-19, de acordo com o relatório “Desigualdade Mata”.

A entidade alerta que a desigualdade social é um indicador mais correto que a faixa etária para avaliar as chances que uma pessoa tem de morrer de covid-19.

“A desigualdade de renda é um indicador mais assertivo para saber se você morrerá de Covid-19 do que a idade”, diz o texto.

A diretora-executiva da Oxfam, Katia Maia, apontou que se os dez homens mais ricos do mundo perdessem 99,9% de sua riqueza de um dia para o outro, eles continuariam mais ricos que 99% das pessoas.

“Eles (estes dez homens) hoje têm seis vezes mais riqueza do que os 3,1 bilhões mais pobres”, afirmou ela.

O homem mais rico do mundo em 2021 foi Jeff Bezoz, fundador, presidente e CEO da Amazon, que acumulou patrimônio de US$ 177 bilhões até abril de 2021.

Na lista, também aparece Elon Musk, fundador, CEO e CTO da SpaceX; CEO da Tesla Motors; vice-presidente da OpenAI, fundador e CEO da Neuralink e co-fundador e presidente da SolarCity. Ele tem uma fortuna de US$ 151 bilhões, segundo a lista de bilionários da Forbes.

A Oxfam também destacou o que chamou de “variante bilionária” do coronavírus, dando como exemplo a viagem ao espaço que Bezoz realizou em julho de 2021, enquanto milhões de pessoas morriam por falta de comida e/ou vacinas.

A entidade também informou que se os dez homens mais ricos gastassem US$ 1 milhão por dia, seriam necessários 414 anos para fastar todas suas fortunas combinadas.

No Brasil, surgiram dez novos milionpários desde o início da pandemia e a chegada do vírus no país, em março de 2020. Atualmente, 55 bilionários acumulam uma riqueza total de US$ 176 bilhões (equivalente a R$ 974 bilhões).

A riqueza de bilionários brasileiros aumentou 30% durante a pandemia, segundo a Oxfam, enquanto 90% da população teve uma redução na renda de 0,2% entre 2019 e 2021.

Nesta linha, os 20 maiores bilionários do Brasil têm mais riqueza (US$ 121 bilhões ou R$ 669,7 bilhões) do que os 128 milhões de brasileiros – ou 60% da população do país.

“As crescentes desigualdades econômicas, de gênero e raciais, assim como as desigualdades que existem entre os países, estão destruindo nosso mundo. Isso não acontece por acaso, mas sim por escolha”, diz o relatório.

A organização concluiu ainda que o aumento na riqueza dos bilionários do planeta cresceu mais durante os 2 anos de pandemia do que nos 14 anos anteriores.

“Enormes quantias de verbas públicas injetadas em nossas economias inflaram drasticamente os preços das ações, que, por sua vez, engordaram as contas bancárias dos bilionários mais do que nunca”, diz a Oxfam.

A organização também defende que não faltam recursos para reduzir a desigualdade, apenas coragem e imaginação para lidar com o problema.

A entidade defende a tributação dos ganhos dos super-ricos durante a pandemia.

“Todos os governos deveriam tributar imediatamente os ganhos obtidos pelos super-ricos durante este período de pandemia a fim de recuperar esses recursos e utilizá-los para ajudar o mundo.” “Um imposto único de 99% sobre o aumento repentino nos lucros decorrentes da Covid-19 dos dez homens mais ricos geraria US$ 812 bilhões [R$ 4,5 trilhões]”, afirma a Oxfam.

Os cálculos sobre patrimônios de bilionários foram baseados na lista da revista Forbes de 2021 sobre as pessoas mais ricas do mundo.

Related posts

Primeiro transplante de coração de porco para humano aconteceu nos EUA

Rafaele Oliveira

Covid: pela primeira vez, mundo registra 1 milhão de casos em 24 horas

João Baricatti

Atriz de “De Repente 30” comemora aniversário refazendo cena do filme!

João Baricatti

Leave a Comment