PORTAL DEMOCRACIA
Manchete Saúde

Queiroga afirma que Brasil não vai exigir passaporte da vacina

marcelo queiroga passaporte vacian

No começo da noite de ontem (terça-feira, 07), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou que o Brasil vai dispensar a necessidade de apresentação de um passaporte vacinal. A recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Anvisa, era de que viajantes que fossem entrar no território brasileiro tivessem que apresentar um comprovante vacinal, indicando que as doses da vacina já foram tomadas. Agora, ao entrar no Brasil, indo na contramão do resto do mundo, os viajantes devem realizar uma quarentena de cinco dias e, depois desse período, fazer um teste de Covid-19.

Em entrevista realizada no Palácio do Planalto, Queiroga falou sobre a decisão: “Nesse contexto em que estamos espreitados por essa variante Ômicron, que não sabemos ainda o total potencial dessa variante criar uma nova pressão sobre o sistema de saúde, (vamos) requerer que os indivíduos não vacinados, eles cumpram quarentena de cinco dias, e após essa quarentena, eles realizariam o teste. Sendo o teste negativo, poderiam normalmente, no caso de estrangeiros que venham aqui a turismo, aproveitar todas as belezas desse nosso grande Brasil”.

queiroga brasil passaporte vacina
Queiroga defendeu a mesma posição negacionista de Bolsonaro (Imagem: Fábio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil)

O ministro ainda defendeu a vacinação como posição individual, afirmando que não se pode discriminar não vacinados: “não se pode discriminar as pessoas entre vacinadas e não vacinadas para a partir daí impor restrições”, e continuou: “Até porque a ciência já sabe que as vacinas, elas não impedem totalmente a transmissão do vírus”.

Bolsonaro também falou contra o passaporte

Na cerimônia de assinatura dos termos de autorização do uso de radiofrequências pelas empresas vencedoras das faixas do leilão de 5G, Jair Bolsonaro (PL), também atacou o passaporte vacinal, indicando que seu uso “fere” a liberdade das pessoas: “A gente pergunta: por que o passaporte vacinal? Essa coleira que querem botar no povo brasileiro. Cadê nossa liberdade? Prefiro morrer do que perder minha liberdade”. E continuou: “Quem tomou vacina não precisa se preocupar com quem não tomou porque não vai ser contaminado. A liberdade acima de tudo”.

 

Related posts

Ministério da Economia tem debandada de secretários; Bolsonaro diz que Paulo Guedes continua

Rafael Bruza

Governo Bolsonaro se recusa a identificar “capangas” que agrediram jornalistas, relata Jamil Chade

Rafael Bruza

Bolsonaro diz que padrão do Enem é de “ativismo político” (Vídeo)

Rafael Bruza

Leave a Comment