PORTAL DEMOCRACIA
Manchete Política

Olavo de Carvalho teria morrido ressentido com a família Bolsonaro

olavo de carvalho

Negacionista, conspiracionista e ‘guru’ do Governo, Olavo de Carvalho morreu nesta segunda-feira (24), aos 74 anos, após ser diagnosticado com covid-19 há algumas semanas. De acordo com a coluna do jornalista Guilherme Amado, do Metrópoles, Olavo morreu ressentido com o presidente Jair Bolsonaro (PL) e sua família.

Segundo o colunista, Olavo de Carvalho estava bastante chateado com a família Bolsonaro, a quem teria chamada de ingrata. O rancor teria como principal motivo o “abandono” do filósofo pela família do presidente, a quem sempre apoiou.

Olavo de Carvalho morreu ressentido com Bolsonaro

olavo-diz-que-bolsonaro-o-usou-como-garoto-propaganda-e-aponta-a-briga-esta-perdida
O autor Olavo de Carvalho e o presidente Jair Bolsonaro (PL) / Foto – Reprodução (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

 

O que mais incomodou Olavo teria sido o fato de Bolsonaro não tê-lo visitado durante os meses em que passou internado no Brasil, no Instituto do Coração. Conforme Amado, no mês de agosto, Olavo reclamou a um amigo que o presidente sequer lhe telefonara. De todos os bolsonaristas que amplamente utilizaram de sua imagem e influência, apenas Eduardo Bolsonaro teria feito uma ligação para o escritor.

Em dezembro, Olavo de Carvalho disse que Jair Bolsonaro (PL) o tinha usado como “posterboy” – garoto propaganda em tradução livre – para “se promover e se eleger”. A declaração foi feita em transmissão ao vivo realizada no Youtube. Na ocasião, Olavo também rejeitou o apelido de “guru do Bolsonaro”.

“Dizem que eu sou o ‘guru do Bolsonaro’. Isso é absolutamente falso. Conversei com ele somente quatro vezes na minha vida. E duvido que ele tenha lido um só livro inteiro. Se ele tivesse lido com atenção, teve muita coisa que ele fez e não faria”, afirmou o escritor.

Bolsonaro lamentou a morte de Olavo de Carvalho

Jair Bolsonaro e seus filhos Eduardo e Carlos usaram as redes sociais para lamentar a morte do professor. O presidente escreveu que “Olavo foi um gigante na luta pela liberdade e um farol para milhões de brasileiros. Seu exemplo e seus ensinamentos nos marcarão para sempre. Que Deus o receba na sua infinita bondade e misericórdia, bem como conforte sua família.”

Já o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) prestou solidariedade à família e afirmou que “aqui na Terra seus livros, vídeos e ensinamentos permanecerão por muito tempo ainda.”

O vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) declarou gratidão à Olavo de Carvalho. “Que sua obra ilumine para sempre a nossa história!”, escreveu.

Related posts

Aras abriu investigação preliminar contra Bolsonaro para dizer que não prevaricou, avalia jurista

Rafael Bruza

Réveillon 2022: prefeitura cancela celebrações e mantém obrigatoriedade de máscara

João Baricatti

Mudanças climáticas impactam a produção de alimentos no Brasil

Rafaele Oliveira

Leave a Comment