PORTAL DEMOCRACIA
Manchete Saúde

Covid-19: nos EUA, homem morre após tratamento com ivermectina

ivermectina

Na Pensilvânia, um homem de 52 anos morreu no último domingo (12), vítima de covid-19, sete dias após o início do tratamento com ivermectina. O remédio é comprovadamente ineficaz no tratamento contra a doença e não tem autorização da Food and Drug Administration (FDA), órgão equivalente à Anvisa nos Estados Unidos. A esposa do homem conseguiu na Justiça o direito de usar o medicamento.

Keith Smith foi diagnosticado com covid-19 e internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital UPMC Memorial, no dia 10 de novembro. Em 21 de novembro ele foi intubado. A sua esposa, Darla Smith, decidiu então apelar para o tratamento com ivermectina, mesmo que nos Estados Unidos usar a droga contra covid-19 seja proibido.

Dessa forma, a esposa entrou com um processo judicial para que o hospital aceitasse administrar ivermectina em seu marido. Segundo a imprensa americana, Darla foi incentivada por postagens nas redes sociais de grupos conservadores, em parte impulsionados por um serviço de telemedicina pró-Donald Trump, que vende prescrições para ivermectina.

Nos EUA, homem morre, vítima de covid-19, após a esposa conseguir na Justiça tratamento com ivermectina

Depois de ler sobre casos similares na Justiça do condado, em que todos foram ajudados pelo mesmo advogado, a esposa viu na ivermectina uma chance para Keith. Em depoimento ao tribunal, Darla Smith disse que “não poderia desistir dele, mesmo que [outros] já tenham.”

Em 3 de dezembro, um juiz de York decidiu não obrigar o hospital a aplicar o tratamento com ivermectina em Keith Smith, mas permitiu que sua esposa procurasse um médico independente para administrar o medicamento. Darla foi atendida pela Front Line COVID-19 Critical Care Alliance (FLCCC), grupo que promove o uso da droga no tratamento contra a covid-19.

Keith recebeu a primeira dose do remédio, porém, piorou, e o tratamento foi suspenso. Ele morreu sete dias depois.

Related posts

Líderes confirmam greve dos caminhoneiros; Governo aposta em liminares para conter bloqueios

Rafael Bruza

Monark defende que Brasil tenha “Partido Nazista reconhecido pela lei”

Rafael Bruza

Citando a Bíblia, jovem chama Bolsonaro de ‘farsa’ no cercadinho (vídeo)

Rafael Bruza

Leave a Comment