PORTAL DEMOCRACIA
Manchete

Cidade Argentina é invadida por besouros

Você não leu errado. Uma cidade Argentina foi invadida por milhares de besouros nessa semana. Isso aconteceu em meio a uma onda de calor recorde, que atinge não apenas o país da bacia platina, mas toda América do Sul, com temperaturas que estão chegando a cinquenta graus.

A prefeitura de Santa Isabel (a cidade que está sendo “atacada” pelos besouros), que fica a 860 km de Buenos Aires e está localizada na província de La Pampa, tentou reduzir os efeitos da infestação apagando a iluminação pública. A ideia surgiu como uma maneira de “confundir” os animais, assim os afastando da cidade.

De acordo com veículos de comunicação local, já foram registrados danos em prédios públicos e privados. As imagens bizarras acabaram tomando conta das redes sociais pela sua esquisitice. Imagina: você acorda e não pode sair de casa, já que a rua está tomada por besouros.

A ideia surgiu de apagar as luzes da rua durante a noite veio do responsável pela administração local da cidade, Cristian Echegaray. A ideia surgiu depois de uma reunião coma polícia e com os bombeiros onde foram discutidos métodos de como contornar a crise.

Em entrevista ao site local, Info Huella, Echegaray se justificou: “Resolvemos apagar a iluminação pública porque esse inseto busca lugares iluminados“.

besouros cidade argentina invasão
Besouros invadem Argentina durante onda de calor (Foto: Reprodução/Twitter)

Omar Sabaidini, chefe da divisão local da polícia, disse, em entrevista ao  Info Huella: “É impressionante a quantidade“, e continuou: “Em alguns casos provocaram danos às construções, na delegacia estragaram a cobertura.“.

Invasão da cidade repercutiu nas redes sociais

A funcionária do Serviço Meteorológico Nacional, Cindy Fernández, afirmou, através de uma rede social, que os besouros “são inofensivos”. No entanto, ela também disse que os bichos voam descontroladamente e saem trombando com força contra tudo o que estiver pelo caminho, o que pode ter assustado os moradores.

Esses besouros pertencem à família Melolonthidae e vivem parte de seu ciclo como larvas enterradas no solo. Durante o verão, com temperaturas crescentes, os adultos saem de debaixo da terra e chegam ao “nosso” nível para iniciar sua reprodução. Por causa das altas temperaturas, saíram em altas quantidades.

Agora, sem a luz que atraí os insetos, a esperança dos moradores é que eles deixem a região livre. Enquanto isso não acontece, se deparar com uma rua cheia deles vai continuar sendo rotina.

Related posts

Jornalista da GloboNews, Cristiana Lôbo morre aos 63 anos

Rafael Bruza

“É hora de união”, diz Alckmin após encontro com Lula, sem cravar formação de chapa

Rafael Bruza

Barretos declara estado de calamidade pública após fortes chuvas

Rafaele Oliveira

Leave a Comment