PORTAL DEMOCRACIA
Europa Manchete

Boris Johnson pede desculpas à rainha por festa na véspera de funeral do príncipe Philip

boris johnson inglaterra covid

Boris Johnson não vive um bom momento. Depois de ir ao parlamento se desculpar por ter participado de uma festa durante o primeiro lockdown da pandemia, agora foi a vez do gabinete do primeiro-ministro britânico se desculpar por ele.

Nessa sexta-feira (14), o gabinete do premiê pediu desculpas, de maneira oficial, à rainha Elizabeth II, pela festa que Boris Johnson foi em abril de 2021. Essa festa aconteceu na casa oficial de Boris Johnson, em Downing Street, num momento em que esse tipo de confraternização em ambientes fechados estavam proibidas, devido ao tenso momento que a Inglaterra vivia. Para piorar ainda mais a situação, a festa aconteceu às vésperas do funeral do Príncipe Philip, que faleceu no dia nove de abril.

Segundo seu porta-voz, no dia em que a festa aconteceu, Boris Johnson estava em casa do campo, em Chequers, e não tinha sido convocado para nenhuma reunião oficial naquele dia.

Johnson sofre muita pressão tanto de dentro do Partido Conservador, quanto de fora. Durante seu pedido de desculpas ao parlamento, Keir Starmer, líder do Partido Trabalhista no parlamento, pediu sua renúncia: “Ele finalmente foi forçado a admitir o que todos já sabiam, que quando o país todo estava fechado, ele estava organizando festas e bebedeiras na sede do governo. Haverá, finalmente, a renúncia?”.

rainha elizabeth boris johnson
Rainha Elizabeth II sentada no funeral de seu marido (Foto: Victoria Jones/Pool/Reuters)

Já no Partido Conservador, um grupo pequeno pede a renuncia de Boris Johnson: “Infelizmente, a posição do primeiro-ministro se tornou insustentável“, afirmou Andrew Bridgen, parlamentar conversador que sempre foi alinhado ao premiê. “O momento é certo para que ele deixe o palco.”, finalizou.

Se o problema já era grande por causa da festa que ele foi no começo da pandemia, a nova festa, revelada pelo jornalThe Telegraph“, um dia antes do funeral do Príncipe Philip, só piorou sua situação. Segundo o jornal, para entender a proporção da festa, a equipe do premiê comprou uma mala de bebidas em um mercado, um laptop para tocar músicas e, durante a festança, quebraram o balanço de brinquedo do filho de Johnson.

Em fala à repórteres, o porta-voz de Boris Johnson afirmou: “É profundamente lamentável que isso tenha acontecido em um momento de luto nacional e o Nº10 (Downing Street) pediu desculpas ao Palácio“. A festa aconteceu no dia 16 de abril. O velório de Philip, marido de Elizabeth por 73 anos, aconteceu no dia 17.

 

Related posts

Programa de Lacombe na RedeTV! pode sair do ar por baixa audiência e faturamento

Rafael Bruza

Alemanha elege novo chanceler e “Era Merkel” acaba

João Baricatti

Grávida de Taubaté: caso completa 10 anos e internautas comemoram

Rafaele Oliveira

Leave a Comment