PORTAL DEMOCRACIA
Manchete Política

“Bolsonaro está normalizando Hitler”, diz diretor acadêmico do Instituto Brasil-Israel

bolsonaro-esta-normalizando-hitler-diz-diretor-do-instituto-brasil-israel

Em publicação no Twitter nesta segunda-feira (23), o diretor acadêmico do Instituto Brasil-Israel e coordenador do Núcleo de Estudos Judaicos da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Michel Gherman, afirma que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) procurou normalizar o ditador nazista da Alemanha, Adolf Hitler, durante uma conversa com um apoiador no cercadinho do Palácio do Alvorada.

“Ele está normalizando Hitler. Isso acabou de acontecer de foma caricata. Hitler não é só inspiração e modelo para ele. A reação é fundamental e precisa ser potente. Não aguardem, entretanto, reações das instituições formais das vitimas históricas do nazismo. Esses capitularam.

Gherman se refere ao diálogo de Bolsonaro com o apoiador deconhecido, que foi gravado por um canal de propaganda do presidente. Na conversa, o apoiador de Bolsonaro cita Hitler como uma suposta referência na área de educação.

“A gente via que Hitler trabalhava muito com as crianças. Nosso Ministério da Educação já poderia estar fazendo também um trabalho com as crianças para voltar à conscientização?”, pergunta o apoiador sem aparecer nas imagens.

Na sequência, Bolsonaro não estranha a referência do apoiador e afirma apenas que tem vontade de recriar a educação moral e cívica – uma disciplina obrigatória na época da Ditadura Militar.

“Você não consegue… tem ministério que é um transatlântico. Não dá para dar um cavalo de pau. Eu gostaria de imediatamente botar educação moral e cívica, um montão de coisas lá, coisas que são boas. Eu ouvi outro dia, tive o saco de ouvir, uns 10 minutos, duas mulheres… Podiam ser dois homens…mas que não sabiam nada. Elas não sabiam nem o que era Poder Executivo. Coisas absurdas que são comuns”, disse Bolsonaro

Gherman é crítico do Governo Bolsonaro e há meses mostra semelhanças da ideologia do presidente com o nazismo.

Em outros tuítes, o professor Michel Gherman afirma que Bolsonaro e seus apoiadores são nazistas.

“Nunca você viu um presidente reagindo assim a um exemplo positivo de Hitler. Sabe por que? Porque nunca houve outro presidente nazista no Brasil. Bolsonaro é nazista. Ele e quem o apoia”, afirmou o professor.

Gherman também responde indiretamente internautas que costumam contestar suas acusações.

“Fico imaginando os caras que se incomodam com as afirmações de que Bolsonaro é nazista. Como eles sobrevivem depois de verem o sujeito aprovando o comentário de um apoiador dando o exemplo de Hilter como boa pratica na educação.  O que vão dizer? A ladainha da banalização?”, questiona o professor.

Em vídeo de maio, Gherman detalhou suas críticas sobre o Governo Bolsonaro apontando que o presidente da República “tem perspectivas nazistas”.

Related posts

Sobrinho-neto de Malafaia se casa e diz que o pastor é a “pessoa mais repugnante da Terra”

Rafael Bruza

Lary Bottino testa positivo para covid-19 e vai para balada em seguida

João Baricatti

Doria assina decreto que obriga servidor estadual de SP a comprovar vacinação

Rafael Bruza

Leave a Comment