PORTAL DEMOCRACIA
Manchete Pandemia Política Saúde

Bolsonaro critica liberação da vacina para crianças de 5 a 11 anos

aprovacao-do-governo-bolsonaro-cai-para-19-a-menor-desde-o-inicio-do-mandato

Jair Bolsonaro (PL), o atual Presidente do Brasil, mal saiu do hospital e já voltou para sua rotina tradicional: ir em jogos de futebol para não trabalhar e criticar a vacinação. Dessa vez, Bolsonaro atacou a liberação da vacinação em crianças de 5 a 11 anos, que vinha sendo discutida há algumas semanas e dificultada pelo seu governo.

Bolsonaro atacou a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) pela decisão de liberar a vacina, mesmo o “último martelo” tendo sido dado pelo Ministério da Saúde, que anunciou que a vacinação deve começar já na próxima semana.

Em entrevista à Rádio Nova, de Pernambuco, Bolsonaro falou sobre seu descontentamento com a Anvisa: “(A) Anvisa, lamentavelmente, aprovou a vacina para crianças entre 5 e 11 anos de idade. A minha opinião, quero dar para você aqui: a minha filha de 11 anos não será vacinada. E você tem que ler o que foi feito ontem no Ministério da Saúde, o encaminhamento disso daí, para você decidir se vai vacinar o seu filho de 5 a 11 anos ou não“.

bolsonaro passaporte vacina
Bolsonaro, mais uma vez, critica a vacinação infantil (Foto: Reprodução/Foco do Brasil)

Mesmo Bolsonaro tentando jogar medo em sua base eleitoral, diversos relatórios já provaram que a dose pediátrica não tem nenhum risco.

Bolsonaro ainda criticou as pessoas “taradas por vacina”, também conhecidas como pessoas normais. De acordo com o presidente, elas não estão preocupadas com outras doenças: “O que que está por trás disso? Qual o interesse da Anvisa por trás disso aí?  Qual o interesse das pessoas taradas por vacina? É pela sua vida? É pela sua saúde? Se fosse, estariam preocupados com outras doenças no Brasil, que não estão.”.

Bolsonaro, mostrando mais uma vez que não faz ideia do que acontece no país que governa, ainda questionou se crianças morrem por conta da Covid-19. Segundo dados da Câmara Técnica de Assessoramento em Imunização da Covid-19 do fim do mês de dezembro, desde o início da pandemia, 301 crianças morreram por causa da doença. Ou seja, a cada 2 dias, uma criança entre 5 e 11 anos morreu por conta do Coronavírus.

O Presidente disse: “Eu pergunto: você tem conhecimento de uma criança de 5 a 11 anos que tenha morrido de Covid? Eu não tenho. Na minha frente tem umas 10 pessoas aqui, se alguém tem levante o braço. Ninguém levantou o braço na minha frente. Então, converse, vê se é o caso de você vacinar o teu filho ou não. É um direito teu vaciná-lo, está autorizada a vacinação e ela é voluntária.“.

 

Related posts

Golpe da Mortadela do Mercadão de SP será investigado pelo Procon

João Baricatti

Pais que recusarem vacinar seus filhos podem responder ações na Justiça, explica advogado

Rafael Bruza

Regina Duarte é rebatida após contestar Dia da Consciência Negra

Rafael Bruza

Leave a Comment