PORTAL DEMOCRACIA
Manchete

Boate Kiss: advogada de defesa usa carta psicografada para defender réu

carta psicografada

Na noite desta quinta-feira (09), no nono dia do julgamento do caso da boate Kiss, a advogada Tatiana Borsa, que trabalha em defesa de um dos quatro réus, o músico Marcelo de Jesus dos Santos, então vocalista da banda Gurizada Fandangueira, que se apresentou na boate na noite do incêndio, usou uma carta psicografada durante os debates entre defesas e acusação, para defender o seu cliente.

A mensagem apresentada ao júri seria de Guilherme Gonçalves, uma das 242 vítimas fatais da tragédia ocorrida em 27 de janeiro de 2013, na cidade de Santa Maria (RS). Segundo a advogada, a carta teria sido recebida por um médium seis meses após a tragédia, no centro espírita Irmã Valquíria, localizado em Uberaba/MG, e publicado no livro Nossa nova caminhada, que reúne mensagens de sete jovens mortos no incêndio e que foi exibido aos jurados.

boate kiss
Boate Kiss sofreu incêndio no município de Santa Maria – RS. | Foto: Leandro LV

Advogada de defesa usa carta psicografada para defender réu do caso da boate Kiss

O réu defendido por Borsa, o vocalista Marcelo de Jesus dos Santos, é acusado por lançar o artefato pirotécnico contra o teto de espuma inflamável da boate, dando início ao incêndio. Na mensagem criptografada, o jovem Guilherme teria pedido para “aceitarem as determinações divinas.” Assista ao momento, no vídeo abaixo:

“Eu também lamento tudo o que ocorreu, mas só me resta tentar me adaptar à realidade. Estimaria vê-los distantes de quaisquer protestos que não me trarão de volta Vamos lembrar que os responsáveis também têm famílias e não tiveram qualquer intenção quanto à tragédia acontecida. Pensemos no fato como uma fatalidade e hoje já começamos a entender um pouco em sentido mais profundo do que nos ocorreu de ponto de vista da lei de causa e efeito”, diz trecho da carta psicografada, apresentada ao júri do caso boate Kiss.

A carta narrada em tom emotivo e acompanhada de um fundo musical de mesma entonação, pedia para pararem de procurar culpados pela tragédia. “Ao invés de gastar nosso pensamento procurando por culpados, eu os convido a orarmos juntos por todas as vítimas e seus afetos enlutados”, conclui.

A leitura da mensagem dividiu opiniões e, nas redes sociais, muitos criticaram a decisão da defesa. Com a repercussão negativa, a advogada Tatiana Borsa pediu desculpas aos pais da vítimas do incêndio na boate Kiss.

Related posts

Procurador-Geral da República diz que CPI da Covid não apresentou provas das acusações

Rafael Bruza

Sessões do TCU são canceladas após Youtube suspender a conta da Corte

Rafael Bruza

Renato Kalil, médico das famosas, é investigado por violência obstétrica

Rafaele Oliveira

Leave a Comment